Projeto de jogo de damas no Instituto Sonho Vivo

Projeto de Jogo de Damas na ONG Instituto Sonho Vivo em Bebedouro - S.P.

Robson Loppes é o responsável pelo projeto de jogo de damas da Instituto Sonho Vivo, que é uma ONG que visa incluir crianças, jovens, adultos e pessoas da melhor idade, para a prática esportiva, com o foco em tirar as crianças da rua e de situação de risco.

O projeto além do ensino do jogo de damas leva-as a participar campeonatos internos para selecionar os melhores que representaram a cidade e participam após isso dos Jogos Abertos da Juventude, Jogos Regionais e JORI.

No ano de 2014 com apenas 2 meses de projeto as crianças e os jovens do projeto participaram da fase sub regional dos Jogos Abertos da Juventude e venceram uma equipe 7 anos invicta, depois participaram dos Jogos Regionais primeira divisão, onde conheceram de perto algumas referências na modalidade, como a família Brito, onde a tetra campeã brasileira Ana Paula Araújo Brito tornou-se a estrela das crianças de Bebedouro, que fizeram uma boa participação e conquistaram a quinta colocação no evento. Essa equipe também chegou à Fase Final dos Jogos Abertos da Juventude.

Devido ao reconhecimento dado em 2014 pela Confederação Brasileira de Jogo de Damas, o projeto ampliou e ganhou mais espaço em 2015 e estará com certeza começando até mesmo a revelar alguns talentos.

Projeto Sonho Vivo Bebedouro 3

Projeto Sonho Vivo Bebedouro

Projeto Sonho Vivo Bebedouro

Projeto Sonho Vivo Bebedouro

Projeto Sonho Vivo Bebedouro

Projeto Sonho Vivo Bebedouro

Projeto Sonho Vivo Bebedouro

Projeto Sonho Vivo Bebedouro

Projeto Sonho Vivo Bebedouro

Projeto Sonho Vivo Bebedouro

Projeto Sonho Vivo Bebedouro

Projeto Sonho Vivo Bebedouro

Ana Paula Araújo Brito, tetra campeã brasileira.

Ana Paula Araújo Brito, tetra campeã brasileira.